• Jeronimo tem 45,4%, contra 39% de ACM Neto, indica pesquisa AtlasIntel

    Foto: Reprodução  Foto: Reprodução
    01/10/2022 - 08:00


    Em terceiro lugar, João Roma (PL) com 8,7% das intenções de voto

    POLÍTICA

    - A Pesquisa AtlasIntel/A TARDE de definição do novo governador da Bahia, divulgada neste sábado (1), indicou que em relação à última rodada, no último dia 26, para o primeiro turno, não existe praticamente nenhuma mudança e aponta um possível resultado já no dia 2 de outubro. Na corrida para os futuros governadores, o levantamento com 2 mil entrevistados, 400 a mais que da pesquisa anterior, mostra que o candidato Jerônimo Rodrigues (PT) segue na liderança com 45,4% das intenções de voto, 1,1 ponto a menos do que há uma semana. Em segundo lugar, ficou ACM Neto (União Brasil), que recuou 0,6 ponto percentual e teve 39% da preferência do eleitorado. Em terceiro lugar, João Roma (PL), com 8,7% das intenções de voto, 1,2 ponto abaixo, ante o último levantamento. Ao todo, os três candidatos perderam 2,9 pontos em menos de uma semana. A pesquisa ouviu 2000 pessoas em 316 municípios baianos no período de 26 e 30 de setembro de 2022, com coleta via recrutamento digital aleatório (Atlas RDR). A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no TSE sob o número BR-09479/2022. BA-03876/2022

  • Homem é preso com R$ 1 mil em notas falsas nos Correios em Macaúbas

    Foto: Divulgação | Polícia Militar Foto: Divulgação | Polícia Militar
    01/10/2022 - 07:00


    Suspeito disse que adquiriu material através de um grupo no whatsapp

    MACAÚBAS

    - Um homem foi preso e R$ 1.020 em notas falsas de R$ 20 foi apreendido na agência dos Correios na manhã da última quinta-feira (29), em Macaúbas. Segundo a polícia, o Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) do 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (Cipm/Macaúbas) encontrou o pacote após rastreio da Polícia Federal. “Um agente da PF que entrou em contato e informou que o pacote chegaria pelo correios e que eles tinham o código de rastreio do pacote”, contou o comandante da 4ª CiIPM/Macaúbas, capitão Fabiano de Matos Lemos. De acordo com a polícia, o homem foi apresentado na Delegacia de Macaúbas, junto com as notas falsas apreendidas, uma motocicleta CG Titan e um celular. Ele confirmou que se tratava de material falso e que foi adquirido através de um grupo de WhatsApp. O suspeito segue preso na delegacia aguardando audiência de custódia.

  • CPI dos Transportes: Testemunha apresenta representação no ministério público contra vereadores

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    30/09/2022 - 19:00


    CAETITÉ

    - Uma testemunha ouvida durante a Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga supostas irregularidades na contratação do transporte escolar municipal, em Caetité, protocolou junto ao Ministério Público representação que imputa aos vereadores Álvaro Montenegro e Jorge Ladeia – membros da CPI – a prática de 47 (quarenta e sete) crimes da lei de abuso de autoridade. Conforme a representação, os crimes consistem em abusos cometidos nas sessões, indicando que o interrogatório “na maioria das vezes” foi para fins de promoção pessoal e não respeitando a posição de quem tenha decidido permanecer em silêncio, promovendo assim, a antecipação de culpa, conduta vedada aos responsáveis pelas investigações. Consta ainda na representação que foi também imputada a prática do crime de prosseguir com o interrogatório ao vereador Jairo Fraga que, segundo a denúncia, igualmente vem buscando promoção pessoal, embora não faça parte da comissão parlamentar de inquérito, o mesmo fez diversas perguntas ao investigado que havia decidido continuar em silêncio, haja vista que o regimento interno da Câmara de Vereadores de Caetité só aprova poderes aos membros da comissão para interrogar testemunhas. Caso comprovada a procedência da denúncia, as penas máximas dos crimes imputados aos vereadores que estariam a se promover ultrapassam 200 anos de prisão, sendo 110 ao vereador Jorge Ladeia, 74 ao vereador Álvaro Montenegro e 32 ao vereador Jairo Fraga.

  • Licínio de Almeida: Em protesto por melhorias, moradores da zona rural interditam BA-156

    Foto: Divulgação | MAM-BA Foto: Divulgação | MAM-BA
    30/09/2022 - 09:30


    REGIÃO

    - Em busca de melhorias estruturais e qualidade de vida, moradores da zona rural de Licínio de Almeida e integrantes do movimento pela “Soberania Popular na Mineração (MAM)” interditaram a BA-156, trecho sem pavimentação entre Licínio de Almeida e Brejinho das Ametistas, em Caetité, linha de escoamento do minério de ferro, extraído pela Bahia Mineração (BAMIN). Os manifestantes cobram, além da pavimentação da via, acesso à saúde, incentivo à agricultura familiar e um melhor acompanhamento sobre as questões da bacia hidrográfica na região. “Atuamos na região de Caetité, nas comunidades de Açoita Cavalo, Curral Velho, João Barroca e Cachoeira, que são impactadas diretamente pelo projeto. Açoita Cavalo, por exemplo, está só a 4 km da mina. Os estrondos e todo o processo de poeira que vocês estão passando aqui só com o translado dos caminhões, eles estão passando direto da mina. A gente vem trabalhando com a comunidade de Taquaril dos Fialhos, fizemos assembleia em Cachoeira dos Periquitos, em Barreiro, porque a gente percebe que é uma demanda única das comunidades”, ressaltou Rafael Nunes, integrante do MAM, que complementou: “As comunidades aqui, em geral, têm mais de 200 anos. Não é justo a empresa do Cazaquistão vir aqui, explorar o território por 30 anos, e ir embora, deixando só as mazelas. E os filhos de vocês vão beber água de onde? Vão comer qual alimento?”.

  • Debate da Globo é marcado por troca de ataques e poucas propostas; veja destaques

    Foto: Reprodução  Foto: Reprodução
    30/09/2022 - 08:00


    Mediado pelo jornalista William Bonner, o debate recebeu Lula, Bolsonaro, Ciro Gomes, Felipe d’Avila, Simone Tebet, Soraya Thronicke e Padre Kelmon

    POLÍTICA

    - Na noite dessa quinta-feira (29), a TV Globo promoveu o último debate entre os candidatos à Presidência da República. No encontro, exibido às 22h30, os presidenciáveis optaram por deixar de lado a apresentação de planos e propostas e partiram para os ataques e ofensas. Mediado pelo jornalista William Bonner, o debate recebeu Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT), Felipe d’Avila (Novo), Simone Tebet (MDB), Soraya Thronicke (União Brasil) e Padre Kelmon (PTB). Confira os destaques: Ataques e ofensas - O primeiro bloco do debate já começou tenso e com sucessivos pedidos de direito de resposta. O mediador, inclusive, precisou, por diversas vezes, pedir aos candidatos que respeitassem as regras e falassem apenas em seus momentos. O embate mais esperado, entre Lula e Bolsonaro, já começou com troca de ofensas e acusações. Em uma resposta ao candidato Padre Kelmon, o atual presidente acusou citou Lula e os escândalos de corrupção envolvendo o PT.  “O governo Lula foi o chefe de uma quadrilha, dezenas de delatores devolveram R$ 6 bilhões para pegar uma pena menor. Nós não podemos continuar no país de uma roubalheira. O governo que nos antecedeu não tinha qualquer respeito ou compromisso com a família brasileira”, acusou Bolsonaro. Lula teve seu direito de resposta aceito pela produção do debate e pediu ao seu adversário "o mínimo de honestidade e de seriedade".  “Falar que eu montei quadrilha com a quadrilha da rachadinha dele, que ele decretou sigilo de 100 anos? Com a rachadinha da família? Do Ministério da Educação com barra de ouro? Ele falar de quadrilha comigo? Ele precisava se olhar no espelho e saber o que está acontecendo no governo dele. Precisava saber o que que foi a quadrilha da vacina, o que é que foi o oferecimento de um dólar por cada vacina importada”, respondeu Lula. Bolsonaro também teve direito de resposta aceito e utilizou para chamar seu oponente de mentiroso, o ex-presidiário e traidor da Pátria. Em um novo direito de resposta, o Lula disse que faria um decreto para encerrar os sigilos de 100 anos decretados por Bolsonaro. Candidato padre - Nas redes sociais repercutiu o embate entre os candidatos Padre Kelmon e Soraya Thronicke. Tudo começou com a candidata do União Brasil errando o nome de seu adversário e optando por chamá-lo de “candidato padre”. Em sua pergunta,Thronicke criticou a forma como o governo Bolsonaro agiu durante a pandemia e perguntou se Padre Kelmon não se arrependia de apoiar essa gestão. Em dado momento, a candidata chamou seu adversário de cabo eleitoral de Bolsonaro e perguntou se ele não “teria medo de ir para o inferno”. “Medo de ir para o inferno não tenho porque todos os dias eu morro um pouquinho para viver o Evangelho. O que a senhora não sabe o que é. Se a senhora soubesse, respeitaria um padre. Mandando um padre para o inferno. A senhora não sabe o que significa um sacerdote, o cristianismo, se a senhora soubesse não se referia a um padre desta forma”, respondeu o candidato. Economia e relação com o Congresso - No terceiro bloco, economia e privatização foram os temas mais abordados pelos candidatos. O primeiro a perguntar foi Jair Bolsonaro, que questionou o Luiz Felipe D'Ávila sobre suas propostas para controlar a inflação e aumentar o índice do Produto Interno Bruto (PIB). O candidato do Novo alegou preocupação com o retorno da esquerda ao poder e falou sobre suas ideias de políticas em prol da desestatização de empresas. O atual presidente perguntou também sobre a prática de troca de cargos por apoio no parlamento. “É intolerável qualquer tipo de esquema que tenha “toma-lá-dá-cá”. Foi isso que acabou com a política brasileira. E infelizmente no seu governo também tivemos, o orçamento secreto. O senhor vetou no começo, mas depois aprovou. E o orçamento secreto infelizmente virou essa moeda de troca. A segunda coisa que também me entristece é a questão dos aliados. Quando se começa a fazer uma base aliada com ex- mensaleiros, fica difícil governar”, respondeu o candidato do Novo. Corrupção - A corrupção foi um dos temas mais explorados pelos candidatos. No quarto bloco, Ciro Gomes chamou o atual presidente para perguntar. O pedetista falou sobre os impactos da corrupção do governo Bolsonaro na economia. Em resposta, o candidato do PL se defendeu afirmando que não houve corrupção generalizada na sua gestão ou na sua família. "Estamos recuperando a economia", disse Bolsonaro. O embate continuou com Ciro afirmando que o governo Bolsonaro tem tantos casos de corrupção como os governos petistas. O presidente então voltou a repetir que não existem casos de corrupção em sua gestão. "Me aponte uma fonte de corrupção, não tem", afirmou. 

  • Queijeiro de Caetité, com produção de mais de 50 tipos de queijos, se torna destaque mundial

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    30/09/2022 - 07:00


    CAETITÉ

    - O açougueiro que se tornou queijeiro e tem produtos que ganharam o mundo. Jair Novais, empreendedor do município de Caetité, viu os negócios deslancharem nos últimos anos com a produção de queijos curados e mofados. Seus produtos foram premiados no Concurso Mundial de Queijos, em São Paulo, e no Encontro Nordestino do Setor de Leite e Derivados (Enel), em Vitória da Conquista. O empresário lembra que toda a sua história começou ainda em Minas Gerais, onde ele atuava como açougueiro e aprendeu a fazer queijos com um amigo. Depois de se mudar para Caetité, no Sudoeste baiano, onde mora com a esposa e as filhas, ele decidiu começar a investir no negócio de queijos. “Estava difícil fazer o negócio dar certo, não tinha dinheiro pra investir, enfrentei muitas dificuldades. Comecei fazendo um queijo trufado de goiabada e, depois, parti para os queijos curados. Um dia, um cliente meu, advogado, comprou o queijo e postou em um grupo com colegas do estado e do Brasil. Vários clientes foram na feira em busca daquele queijo amarelo, e aí a produção do queijo curado disparou. Comecei a agregar valor ao produto. Um queijo que era vendido por apenas R$ 10, foi pra R$ 20, R$ 30 e, hoje, esse produto custa R$ 45 e o pessoal sempre está procurando”, relembra o empreendedor. O empresário decidiu então seguir investindo no negócio. Começou a processar 400 litros de leite por dia e abriu uma loja. “Clientes de outros estados começaram a procurar nossos produtos. E aí veio mais um desafio: iniciamos a produção de queijos mofados. Em nossa região, temos um clima propício para esse tipo de queijo. Até então, eu produzia na cozinha da minha casa, mas dei mais um passo e construí uma pequena queijaria. Hoje, tenho uma casa para produzir meus queijos”, afirmou. Hoje, a queijaria Tradição é ponto certo em Caetité para quem visita o município. “Comecei a produzir mais de 50 tipos de queijos. De um simples queijo para café, que custa R$ 7, até um que custa R$ 400 por kilo. Caetité faz parte da identidade do meu queijo e não pretendo sair daqui”, afirma o queijeiro. Parceria com o Sebrae e premiações - Durante o mês de junho de 2022, com as divulgações do Enel, o analista do Sebrae Ridson Sales foi até a queijaria Tradição para divulgar o concurso de queijos que aconteceria no evento. “Eu o procurei para mostrar a oportunidade. No início, ele teve receio, enxergava o Sebrae não como entidade de apoio, mas de fiscalização, então conversamos bastante e eu expliquei o nosso trabalho. Ele se inscreveu e teve esse êxito, com medalhas de ouro e prata”, relembrou o analista. O Enel também forneceu a oportunidade de um suporte direto com profissionais do Ministério da Agricultura (Mapa). “Durante o Enel, Jair também nos solicitou suporte em relação ao selo de inspeção, já que ele tem dificuldades em Caetité por causa da falta de leis municipais específicas. Nós o levamos até os profissionais do Mapa, que se sensibilizaram com a história e ofereceram apoio para que o município tenha o selo e ele possa ter a certificação”, complementa Ridson. Além do suporte e premiações no Enel, por meio do Sebrae, o produtor teve a oportunidade de participar do Concurso Mundial de Queijos, em São Paulo, neste mês de setembro. A queijaria Tradição conquistou medalha de ouro com o queijo Manga Rosa e bronze, com o queijo Azulzinho do Sertão. “No Enel de Conquista, ganhei destaque. Depois do evento, conquistei bastante mercado. Queijarias renomadas de outros estados estão sempre em busca dos nossos produtos. Agora, em setembro, tive um prazer enorme de estar participando com grandes produtores nacionais e internacionais e, com muito orgulho, levei o nome da minha cidade, Caetité, para o Concurso Mundial de Queijos. Pra mim, foi muito gratificante participar desse concurso porque, além do reconhecimento, o aprendizado é muito grande”, concluiu o queijeiro.

  • O futuro da Bahia na sua mão: baianos decidem no próximo domingo novo governador

    Foto: Reprodução Foto: Reprodução
    Por Rodrigo Daniel Silva

    29/09/2022 - 10:30


    Disputa pelo governo da Bahia se acirra entre ACM Neto, do União Brasil, e Jerônimo Rodrigues, do PT

    BAHIA

    - Mais de 11 milhões de baianos vão às urnas no próximo domingo para escolher o 46º governador da Bahia. Seis nomes competem pelo Palácio de Ondina, mas apenas dois são considerados favoritos para assumir o posto: ACM Neto, do União Brasil, e Jerônimo Rodrigues, do PT. Os dois, juntos, somam quase 80% das intenções de votos. Neto liderou a maior parte da campanha com folga, mas viu nos últimos dias um crescimento expressivo do seu principal adversário. O Datafolha mais recente apontou que a diferença entre eles, que já foi de 38 pontos, agora é de 17. Os números animaram os aliados de Jerônimo Rodrigues, uma vez que os hoje senador Jaques Wagner e governador Rui Costa, ambos do PT, conseguiram virar as eleições de 2006 e 2014, respectivamente, para o governo estadual com os mesmos percentuais que o atual candidato petista. O prefeito de Salvador, Bruno Reis (UNIÃO), disse, em entrevista a Rádio Metropole nesta semana, não ver semelhanças entre os antigos pleitos e o atual. “Naquela época, eles tinham o governo federal, hoje não têm. Hoje, eles têm 16 anos de cansaço. A gente não tinha a força política que nós temos hoje. Nós não tínhamos um candidato que representasse o novo, como temos hoje Neto”, ponderou. A ascensão de Jerônimo Rodrigues nas sondagens de opinião se deve, sobretudo, à força política de Lula (PT). Na Bahia, o ex-presidente, que busca retornar ao Palácio do Planalto, tem 62% das intenções, segundo o Datafolha. Essa popularidade de Lula no estado faz Wagner crer em mais uma virada histórica. “Quem entende de pesquisa, de campanha, entende de eleição no Nordeste, na Bahia, sabe que, quando Lula é candidato e passa de 60%, a gente nunca deixou de eleger o candidato a governador dele aqui”, afirmou. O cientista político Antonio Lavareda avalia que a eleição baiana pode não ser decidida no próximo domingo. “Com as mudanças recentes nos números, não se pode mais descartar a possibilidade de um segundo turno”, afirmou. O cientista político e professor da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira (Unilab), Cláudio André, também vê um cenário aberto no pleito. “Se a gente levar em consideração que Rui Costa tem uma boa avaliação de governo, tem boa parte dos prefeitos, a tendência, então, é de que Jerônimo esteja em uma rota de crescimento até domingo. Acho que essa rota de crescimento pode levar para o segundo turno, e a hipótese, que não se pode descartar também, é de Jerônimo virar “, analisou, em entrevista ao Jornal Metropole. Histórias distintas: Nascido em 1979, ACM Neto, se vencer no próximo domingo, será o governador mais jovem da Bahia desde 1962, quando Lomanto Júnior venceu a disputa ao governo contra Waldir Pires ao 39 anos de idade. A vitória de ACM Neto significará também a retomada da família Magalhães ao poder da Bahia após quase 30 anos. Foi em abril de 1994 a última vez que um Magalhães pisou os pés no Palácio de Ondina, quando Antonio Carlos Magalhães renunciou ao posto para ser candidato a senador. Por outro lado, se Jerônimo Rodrigues conquistar a gestão estadual, será o primeiro governador da Bahia autodeclarado indígena. O triunfo do petista simbolizará ainda um feito histórico para o seu partido. O PT será a primeira agremiação a vencer cinco eleições consecutivas para o governo baiano desde a redemocratização. A briga pelo Senado: As urnas vão dizer também no próximo domingo se a tradição histórica na disputa pelo Senado será mantida na Bahia ou se vai se quebrar um tabu de 60 anos. Pela primeira vez desde 1962, há a possibilidade de o novo governador eleito não eleger o seu senador. Isso porque o senador Otto Alencar (PSD), que é candidato na chapa de Jerônimo Rodrigues, é favorito para ser reeleito e pode ver o oponente ACM Neto conquistar o governo estadual. O Datafolha aponta que Otto Alencar tem uma vantagem segura para o seu principal adversário na briga pelo posto, Cacá Leão (PP). Se a eleição fosse hoje, a diferença seria de mais de 20 pontos. Em crescimento nas sondagens de opinião, o postulante progressista tem apostado, entretanto, em uma virada no apagar das luzes. Aos aliados, Cacá tem lembrado que Otto Alencar saiu atrás nas pesquisas em 2014, mas conseguiu vencer Geddel Vieira Lima (MDB) já no final do pleito. Outro caso que faz o progressista manter a fé é de 2018, quando Ângelo Coronel (PSD) conseguiu a segunda vaga ao Senado aos 45 minutos do segundo turno. O Ibope, um dia antes daquela eleição, apontou um empate técnico entre Coronel e Irmão Lázaro (PSC), mas, ao abrir as urnas, o pessedista venceu com mais de 2 milhões de votos de diferença. Histórias assim é que deixam sempre pintar um mistério na eleição da Bahia. Reportagem publicada originalmente no Jornal Metropole em 29 de setembro de 2022

  • Rui volta a apostar em vitória no 1º turno de Jerônimo e diz que ACM Neto se sente

    Foto: Fernanda Vilas | Metropress Foto: Fernanda Vilas | Metropress
    Por Rodrigo Daniel Silva

    29/09/2022 - 09:30


    POLÍTICA

    - O governador da Bahia, Rui Costa (PT), voltou a apostar, nesta quinta-feira (29), que Jerônimo Rodrigues (PT) será eleito no próximo domingo (2), e cutucou ACM Neto (UNIÃO) ao dizer que adversário político se sente "filho do rei". "Alguém dizer 'me preparei a vida inteira para ser isso'. Parece que é um príncipe, o filho do rei, que um dia o reinado ia chegar e estava esperando só o rei morrer para ser empossado. Eles maltrataram muito Jerônimo como me maltrataram no início, porque ele chegou a dizer: 'quem é Jerônimo? É um zé ninguém'. Para eles, quem nasce na Liberdade é um zé ninguém, quem nasce na zona rural é um zé ninguém, quem é pobre é um zé ninguém. Eles se acham bacanas porque têm nome e sobrenome", disse Rui Costa, em entrevista a Mário Kertész, na Rádio Metropole. Rui afirmou acreditar na vitória de Jerônimo no primeiro turno. Para ele, o candidato do PT terá 53% dos votos válidos. "Ele (ACM Neto) vai ser derrotado domingo por um homem que nasceu na zona rural, por um zé ninguém. Jerônimo vai repetir o que fizemos em 2014 no primeiro turno, com fé em Deus, com Lula, porque a  Bahia precisa dessa união com Brasil, e o Brasil precisa da Bahia", declarou. O governador voltou a atacar o desempenho da Educação em Salvador. "É uma das piores ofertas de creche e educação infantil do Brasil. Eles já governam Salvador há 10 anos. Uma criança de 10 anos em Salvador, que não sabe ler e escrever, a responsabilidade é de quem? Eles (ACM Neto e Bruno Reis, atual prefeito) se acham numa arrogância extraordinaária", questionou, ao salientar que 70% dos estudantes do ensino fundamental II estão sob responsabilidade do governo estadual, mas deveria estar com o Município.

  • Bahia paga R$ 1 bilhão em precatórios do Fundef nesta quinta

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    28/09/2022 - 19:00


    Neste primeiro crédito, educadores beneficiados vão receber 90% do valor total a que têm direito

    BAHIA

    - O governo da Bahia anunciou que vai pagar nesta quinta-feira (29) o valor de R$ 1,041 bilhão dos precatórios do Fundef a 57 mil profissionais da educação. Neste primeiro crédito, os educadores beneficiados vão receber 90% do valor total a que têm direito. Ao todo, segundo a gestão estadual, 84 mil pessoas têm direito ao abono. Podem receber os precatórios professores, coordenadores pedagógicos, diretores, vice-diretores e secretários escolares que ocuparam cargo público ou que estavam em emprego público, em efetivo exercício na educação básica da rede pública de ensino, no período de janeiro de 1998 a dezembro de 2006. Também serão contemplados aqueles que ocupavam cargos comissionados do quadro do Magistério e professores contratados pelo Reda, que atuavam na educação básica no mesmo período. Estão incluídos servidores ativos e inativos, além de herdeiros daqueles profissionais que se enquadram nos critérios. Os precatórios do Fundef são valores oriundos de julgamento judicial, no qual a União foi condenada a pagar a complementação das verbas do Fundef que deixaram de ser repassadas pelo Governo Federal para estados e municípios, entre 1998 e 2006, devido a um erro de cálculo. Os beneficiários que não foram contemplados com o crédito neste momento vão receber a totalidade dos valores após a fase de atualização cadastral e de apresentação de requerimentos. Aqueles que já receberam 90% do total, vão receber os 10% restantes. O montante total a ser destinado aos 84 mil beneficiários será de R$ 1,4 bilhão. 

  • Bahia não registra óbitos por covid-19 nas últimas 24 horas

    Foto: Jefferson Peixoto | Secom / PMS Foto: Jefferson Peixoto | Secom / PMS
    28/09/2022 - 18:00


    No momento, são 671 casos que encontram-se ativos

    COVID-19

    - Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 601 novos casos de Covid-19 e 528 recuperados. Não houve registro de óbitos pela doença. Dos 1.696.887 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.665.518 já são considerados recuperados. No momento, são 671 casos que encontram-se ativos e 30.698 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações. O boletim epidemiológico desta quarta-feira, 28, contabiliza ainda 2.031.581 casos descartados e 358.513 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta quarta-feira. Na Bahia, 68.569 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Vacinação - Até o momento a Bahia contabiliza 11.660.751 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.818.974 com a segunda dose ou dose única, 7.335.277 com a dose de reforço e 2.253.679 com o segundo reforço. Do público de 5 a 11 anos, 1.044.289 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 679.946 já tomaram também a segunda dose. Do grupo de 3 e 4 anos, 48.842 tomaram a primeira dose e 8.994 já tomaram a segunda dose.

  • Região: Ex-guarda municipal procurado por morte de idosa em Ilhéus é preso por roubo

    Foto: Reprodução | Blog do Anderson Foto: Reprodução | Blog do Anderson
    28/09/2022 - 15:30


    Mandado de prisão havia sido expedido há quatro anos

    VITÓRIA DA CONQUISTA

    - Um ex-guarda municipal de Ilhéus procurado por um homicídio cometido há quatro anos contra uma idosa foi preso na tarde desta terça-feira (27) após denúncias de um roubo em Vitória da Conquista. Segundo a Polícia Militar, o homem foi flagrado com um revólver em mãos. O suspeito foi capturado tentando entrar em um imóvel na região. “Após o rastreio do telefone de uma das vítimas do roubo, nós fomos imediatamente ao local e encontramos ele tentando entrar em um imóvel. Efetuamos o flagrante e constatamos o mandado de prisão. Com ele, além de outros três celulares, também foram encontradas uma bicicleta, R$ 54 e sete porções de crack”, declarou o major Wagner Ribeiro, comandante da 77ª CIPM. Além do cumprimento do mandado expedido pela 1ª Vara do Júri da cidade de Ilhéus, o suspeito foi autuado por roubo e porte ilegal de arma de fogo.

  • Quaest: Lula mantém liderança, com 46% dos votos; Bolsonaro oscila para 33%

    Foto: Ricardo Stuckert & Marcello Casal Jr. Foto: Ricardo Stuckert & Marcello Casal Jr.
    28/09/2022 - 07:00


    Em uma simulação de segundo turno, Lula aparece cm 52% e Bolsonaro, com 38%

    POLÍTICA

    - A pesquisa Genial/Quaest, divulgada no início desta quarta-feira (28), apontou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) segue à frente, com 46% das intenções de voto no primeiro turno. Em seguida, aparece o presidente Jair Bolsonaro (PL), com 33%. Em relação ao levantamento anterior, divulgado há uma semana, o candidato petista oscilou dois pontos percentuais para cima; já Bolsonaro, um ponto para baixo, ambos dentro da margem de erro. Os demais candidatos ficaram estáveis. Ciro Gomes (PDT) apareceu com 6% e Simone Tebet (MDB), com 5%. Já Soraya Thronicke (União Brasil) teve 1%. Felipe D’Avila (Novo), Vera Lucia (PSTU), Sofia Manzano (PCB), Padre Kelmon (PTB), Leonardo Péricles (UP) e José Maria Eymael (DC) não pontuaram. Os que dizem que vão votar em branco, nulo ou deixar de votar somam 4%. A proporção dos indecisos é de 5%. Em uma simulação de segundo turno, Lula aparece cm 52% e Bolsonaro, com 38%. Os indecisos são 4%, já os que dizem que vão votar em nulo, branco ou não vão votar são 6%. Duas mil pessoas foram entrevistadas face a face entre os dias 24 e 27 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais. O levantamento tem 95% de confiança. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo BR-04371/2022.

  • CDS Alto Sertão e Prefeitura de Guanambi certificam agroindústrias através do SIM

    Foto: Divulgação Foto: Divulgação
    27/09/2022 - 19:07


    Com a certificação os empreendedores poderão comercializar seus produtos oferecendo qualidade e segurança aos consumidores de toda a região

    REGIÃO

    - A Prefeitura de Guanambi, em parceria com o Consórcio Público do Alto Sertão, emitiu nesta terça-feira (27) o selo de inspeção através do SIM. Receberam o selo três empreendimentos locais. Com o processo de certificação os empreendedores poderão comercializar seus produtos oferecendo qualidade e segurança aos consumidores de toda a região agregada ao CDS Alto Sertão. A Implementação do Serviço de Inspeção Municipal – SIM é uma importante ação que tem como estratégia a dinamização econômica do município através da inclusão dos pequenos negócios no mercado formal, garantindo agregação de valor à produção, mais renda e segurança sanitária aos produtos ofertados a população. Parceiros nesta ação: Prefeitura de Guanambi, Consórcio Público do Alto Sertão, CAR – Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional e Sebrae/Bahia.

  • Bahia registra 365 novos casos e uma morte por Covid nas últimas 24h

    Foto: Reprodução | AFP Foto: Reprodução | AFP
    27/09/2022 - 18:30


    COVID-19

    - Na Bahia, nas últimas 24 horas, foram registrados 365 casos de Covid-19, 395 recuperados e 1 óbito. Dos 1.696.286 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.664.990 já são considerados recuperados, 598 encontram-se ativos e 30.698 tiveram óbito confirmado. Os dados ainda podem sofrer alterações. O boletim epidemiológico desta terça-feira (27) contabiliza ainda 2.030.396 casos descartados e 358.405 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até às 17 horas desta terça-feira. Na Bahia, 68.560 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Vacinação -  Até o momento a Bahia contabiliza 11.658.662 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.819.309 com a segunda dose ou dose única, 7.327.343 com a dose de reforço e 2.249.555 com o segundo reforço. Do público de 5 a 11 anos, 1.044.737 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 679.871 já tomaram também a segunda dose. Do grupo de 3 e 4 anos, 48.360 tomaram a primeira dose e 8.686 já tomaram a segunda dose.

  • Região: Mulher é queimada pelo companheiro com água fervente

    Foto: Divulgação | Policia Militar Foto: Divulgação | Policia Militar
    27/09/2022 - 11:30


    A vítima sofreu queimaduras graves em todo o corpo

    SUDOESTE

    - Uma mulher de 42 anos foi surpreendida por um balde de água fervente jogada pelo seu companheiro, com quem morava, na cidade de Ipiaú, região sudoeste da Bahia. Ela sofreu queimaduras severas no rosto, pescoços, colo e costas. De acordo com o site Giro em Ipiaú,  a  vítima de violência doméstica, foi socorrida por sua filha e recebeu os primeiros socorros no Hospital Geral de Ipiaú, de onde já foi liberada. O acusado, identificado como Domingos Benevuto Ferreira Santos, de 54 anos, ainda não foi localizado pelas autoridades policiais. O caso está sendo acompanhado pela Ronda Maria da Penha, da Polícia Militar, desde a última terça-feira (27). A mulher segue amparada na casa de uma amiga.